Como fazer uma fundação em Radier?

Como fazer uma fundação em Radier?

Radier é um tipo de fundação superficial, pois não possui sapatas, muito parecido com uma laje.

Geralmente recomendada para solos de baixa resistência, já que as cargas são distribuídas igualmente no terreno.

No entanto, para se ter certeza das condições do terreno é necessária a contratação de uma análise de solo, a mais usada é a STP.

Publicidade


Na execução de uma fundação tipo radier, a maior preocupação depois da análise do solo é o correto posicionamento dos diversos elementos que precisam estar presentes antes da concretagem, por exemplo as tubulações hidráulicas, elétricas e as ferragens para suporte das colunas.

DICA: Tire suas dúvidas sobre a Tabela SINAPI aqui!

Publicidade

Fazendo a fundação radier
Aplicação de concreto em fundação Raider
Fonte: exaktime (www.exaktime.com)

Classificação das Fundações em Radier

Sua classificação pode seguir a seguinte linha:

1 – Quanto a rigidez à flexão:

  • Rígidos: possui grande rigidez à flexão;
  • Elásticos: Possuem menor rigidez.

2 – Quanto a geometria:

  • Nervurados;
  • Lisos;
  • Caixão.

3 – Quanto a tecnologia:

Nesse artigo vamos nos focar na classificação quanto a tecnologia empregada.

Radier em concreto armado

Tanto no radier por concreto armado quanto no pretendido, é muito importante que se procure a orientação de profissionais.



Em outras palavras o radier em concreto armado é uma laje a qual distribuirá todas as cargas igualmente no solo.

Radier
Distribuição das cargas por igual
Fonte: proslabs (proslabs.co.za)

Ao contrário das sapatas por exemplo, que acumulam pontualmente todas as cargas e precisam encontrar no solo um ponto fixo de apoio.

Esse ponto fixo geralmente é uma laje de rocha, que pode estar a 1 ou até mais que 10 m de profundidade.

Nesse processo, da mesma forma como em uma laje, toda a ferragem é armada e amarrada para esperar o concreto.

Esse tipo de processo é mais utilizado em construções de pequeno porte.

Radier protendido

O radier protendido é muito usado na fabricação, por exemplo, de estacionamentos ou obras que precisam vencer grandes áreas e ao mesmo tempo assegurar uma resposta a compressão mais elevada.

Isso ocorre devido ao método utilizado na fixação da ferragem.

Publicidade

Antes de ser concretado é aplicada na fundação cabos de aço ou barras de aço tracionadas por macacos hidráulicos.

Logo após o concreto é lançado e os cabos só serão soltos depois do concreto curado.

Como resultado isso implicará numa tensão no concreto que responderá as futuras forças de compressão que atuaram sobre a fundação.

Principais etapas na fabricação de um radier

1 – Preparação do terreno

Após verificar que o terreno poderá suportar uma fundação radier, escavar e alinhar o solo será a próxima etapa.

Importante que se compreenda que um solo mais frágil nem sempre solicitará a fundação em radier.

Solos muito frágeis precisam de sapatas, e excepcionalmente alguns não são próprios para as construções.

Isso justifica-se pelo fato de muitas casas precisarem ser estaqueadas antes da realização dos seus alicerces. O radier está justamente nesse meio termo.

Na escavação note principalmente se a área cortada possui meio metro a mais para cada lado das linhas do projeto da edificação.

2 – Compactação e impermeabilização

Após o recorte e compactação da área a ser construída, o terreno deverá ser impermeabilizado através de uma manta plástica ou asfáltica.

Esse procedimento evita que a umidade chegue até o concreto e as ferragens. Em contrapartida também evita que o concreto perca água durante o processo de cura.

Publicidade

Por fim a área deve ser delimitada por tábuas de caixaria.

3 – Instalações

As instalações serão executadas cada qual pelo seu respectivo profissional.

No entanto, mesmo assim é importante o aferimento e cobrança para que tudo tenha sido feito conforme o projeto.

Isso vai desde os locais de saída das tubulações até o fechamento das mesmas evitando a entrada de material.

4 – Aço

Logo após a implantação da manta impermeabilizante, as armações de aço podem ser alocadas.

Tanto as armações simples, quanto as protendidas, precisarão estar fixadas nas colunas de aço de arranque, estas por sua vez precisam estar perpendiculares e no centro da coluna.

Nenhuma peça de aço dever ter contato como o terreno.

5 – Concreto

Com as caixarias prontas e as armações de aço fixadas juntamente com toda as instalações, o concreto pode ser despejado.

O concreto pode ser usinado, o que garantirá uma melhor homogeneidade e qualidade nas tensões e cura.

Outrossim, poderá ser feito no canteiro de obras.

A escolha pela execução do concreto no canteiro de obras dá-se geralmente quando se trata de pequenas obras.

Além disso, quando for o caso da utilização do concreto protendido, após o terceiro dia os cabos são tensionados.

No sétimo dia os macacos hidráulicos são retirados e por consequência os cabos tensionam o concreto.

Cálculos de materiais

Aqui no Portal Construção sempre indicamos que o profissional da área é a pessoal mais indicada quando se deseja estimar a quantidade de materiais com maior acerto.

No caso do concreto na fabricação da fundação radier, torna-se um pouco mais fácil.

Pois todo o fundamento é basicamente uma caixa. E, portanto, basta descobrir o seu volume. Multiplique a altura da caixaria pelo comprimento e novamente pela largura.

Por outro lado, quando houver outras formas geométricas além de um quadrado único, divida as áreas em pedaços menores.

No caso do aço, cada caso é um caso, porém, geralmente divide-se a área por cinco.

Esse valor lhe dará uma boa aproximação da quantidade de aço para casos mais simples.

Vantagens

A principal vantagem realmente é o baixo custo dessa fundação. As sapatas por exemplo são muito mais caras quando forem corridas.

Publicidade

O tempo de execução é bem menor, reduzindo consequentemente a mão de obra.

Desvantagem

Em síntese a principal desvantagem está justamente vinculada aos gastos.

Isso ocorrem quando a fundação em radier precisar ser adaptada devido a necessidade de receber cargas.

Lembrando que um dos requisitos usados na escolha do radier é justamente quando a obra não é de grande porte.

Sendo assim quando for necessária aumentar a resistência do fundamento, o radier tende a se tornar inviável em alguns casos.

Esse acréscimo de material com o intuir de aumentar a resistência a compressão pode vir desde o aumento do nível do concreto à quantidade de aço.

Ainda com dúvidas? Não deixe de perguntar!

 

O que achou desta matéria?

Clique para avaliar!

Avaliação média / 5. Votos: